Cálculo Exato

Desocupação da Assembleia Legislativa não pôs fim a greve da PM da Bahia

Os policiais militares estão concentrados no ginásio de esportes do Sindicato dos Bancários da Bahia, desde que desocuparam a Assembleia Legislativa nesta quinta-feira, 9, decidindo os rumos da greve da PM, iniciada no dia 31 de janeiro. A reunião dos grevistas foi iniciada por volta das 16h30.

Os grevistas, presentes no sindicato, se mostram revoltados com a detenção de quatro dos 12 líderes do movimento que tiveram a prisão preventiva decretada pela Justiça. Um dos presentes garantiu que a paralisação da PM é quase que total. “Só quem está dizendo que a greve acabou é a mídia”, reclamou um deles.

Greve – Os policiais militares decidiram nesta quinta-feira, 9, manter a greve mesmo após a desocupação da Assembleia Legislativa da Bahia nesta manhã. O grupo está reunido no Ginásio de Esportes do Sindicato dos Bancários, no Largo dos Aflitos, desde que os manifestantes deixaram o acampamento no Centro Administrativo da Bahia (CAB).
De acordo com o deputado Capitão Tadeu, um dos representantes dos PMs, a categoria se reúne, nesta tarde, para ouvir uma nova proposta do governo.
Os grevistas levaram comida e objetos para o local.

Com informações do A Tarde

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *