Skip to content

Mano Menezes é demitido da Seleção Brasileira

O  técnico Mano Menezes foi destituído do comando da seleção brasileira na tarde desta sexta-feira (23/11). A CBF (Confederação Brasileira de Futebol) afirmou que seu substituto será anunciado apenas em janeiro de 2013.

A decisão foi anunciada pela CBF após uma reunião do presidente da entidade, José Maria Marin, com seu diretor de Seleções, Andrés Sanchez. Menezes havia sido contratado em 2010 pelo então presidente da CBF, Ricardo Teixeira, para substituir o técnico Dunga.

A demissão de Menezes estaria relacionada a supostas desavenças com Marin, mas a informação ão foi confirmada pela CBF.

Técnico Mano Menezes

A notícia iniciou uma onda de especulações sobre a sucessão do cargo. O mome mais citado foi o de Luiz Felipe Scolari, que deixou o Palmeiras.

Nem mesmo o título do Superclássico das Américas, vencido nesta quarta-feira (21), melhorou a imagem de Mano perante Marin. Para o presidente, o treinador nunca foi o preferido, dado que ele ainda havia sido escolhido na época em que Ricardo Teixeira era o comandante supremo.

A trajetória de Mano na seleção foi bastante conturbada. O treinador não conseguiu resultados expressivos contra equipes mais tradicionais (foram derrotas para Argentina, duas vezes, França e Alemanha) e também foi muito mal em competições oficiais, como Copa América e Olimpíadas. Na primeira, caiu diante do Paraguai nas quartas de final. Em Londres, ficou com a prata. Foram 102 jogadores convocados desde o dia 10 de agosto de 2010, quando estreou no Brasil.

A CBF anunciou também que a seleção feminina terá novo técnico: Márcio Oliveira.