ONU denuncia mais de 5 mil mortes em revolta na Síria

A Alta Comissária de Direitos Humanos da ONU, Navy Pillay, disse nesta segunda-feira que o número de mortes na repressão aos protestos na Síria já passou de cinco mil desde o início da revolta, em março. Dentre as vítimas, pelo menos 300 são crianças.

 

As informações são da Central BBC de Notícias. Confira a notícia acessando o site:

www.bbc.co.uk/portuguese/

 

 

Leave a Reply

Ao continuar navegando neste website você está aceitando a nossa Política de Privacidade, que explica como seus dados podem ser usados para melhorar sua experiência e como serão protegidos Leia mais .